Meu Facebook

Meu Facebook
A única guerra que se perde é aquela que se abandona

.

.

.

.

.

.

quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

:o)






Eu lhe desejo boas coisas para 2016. Alegria, amor, coragem, tolerância. Desejo que você seja gentil com os outros porque, creia, sua gentileza é boa para você, muito mais do que para os alvos dela. Espero que as perdas sejam poucas, que os sorrisos sejam muitos, que você receba convites incríveis, que leia livros bonitos, belas histórias. Desejo que você pense, pense muito mesmo, antes de falar ou escrever, porque magoar os outros pode até não ser legal para eles, mas creia, é devastador para você. Espero que o belo o alcance de todas as formas possíveis. Desejo que você cozinhe mais, beba mais, jante coisas gostosas, conviva com pessoas doces. Você está me ouvindo? Decida só conviver com pessoas doces, essa é uma das escolhas que você pode e deve fazer na vida. Espero que você faça o melhor que puder. Que você cante no banho. Que você venha comer a sopa da Maliu. Que possa ficar onde quiser ficar. Onde e com quem quiser. Que, em 2016, tenha a força para dizer “eu não quero ficar e estar aqui, vou mudar”. Desejo a você, em 2016, sapatos confortáveis. Uma boa mala, um bom casaco, duas ou três calças jeans, não mais do que isso. Panos de prato bonitos. Brincos bacanas. Uma excelente lâmpada de leitura. Fotos. Desejo fotos para você e com você em 2016. Desejo que você perca a piada, mas não perca o amigo. Porque nada, nada mesmo, vale a perda de um amigo. Ou de alguém que quer você bem. Espero que você tenha, em 2016, muitas chances de andar descalço. De cantar bem alto. De fazer ioga com a Maliu. De ver belos filmes. De comer brigadeiro na panela. De ficar em silêncio ao lado de alguém que ama você. De sentir a respiração do seu cão, de assistir enquanto seu gato boceja. Espero que você tenha trabalho em 2016. Bons trabalhos, importantes, relevantes para você, não para os outros. Desejo que você viaje. Desejo que você possa ouvir toda a Mônica Salmaso que for humanamente possível escutar. Escolha Salmaso, em casa, no carro, no foninho dentro da orelha. Faça da voz da Salmaso, em 2016, sua missão. Prometo, a vida vai melhorar substancialmente. Que 2016 e você, querido, querida, sejam bons um com o outro. Porque é só isso, mesmo, que temos: o tempo, nossas carcaças e a gentileza que circula, ou não, entre nós. Feliz ano novo, fique bem. <3 p="">
(do blog da Fal Azevedo - achei tão legal)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tailor Mouse

Tailor Mouse